Na noite desta quarta, 31, pais, professores e diretores das escolas participantes reuniram-se na UNESC para prestigiar o trabalho desenvolvido pelos participantes das oficinas do Repórter na Escola do Projeto Bom de Ler. 

Foram dois meses entre a primeira participação e a noite de ontem, quando alunos apresentaram suas produções.

A proposta feita aos alunos e professores foi que, a partir do conteúdo trabalhado nas oficinas de filosofia e imaginação, áudio e vídeo, cultura digital e fotografia, elegessem uma obra literária (um livro, parte dele, crônicas, poesias, contos, ensaios, etc) e a recriassem utilizando diferentes expressões artísticas, registrando-as através de ferramentas de áudio e vídeo. 

E assim de fato fizeram, abaixo você confere a relação de obras selecionadas pelos alunos e seus professores. As produções estão disponíveis na Plataforma do Bom de Ler (http://plataforma.bomdeler.org.br/) 

 

Rede Municipal de Criciúma

Escola Ângelo de Lucca  – Menino de Engenho  (José Lins do Rego)

Escola Vilson Lalau  – Uma professora muito maluquinha –(Ziraldo)

Escola Profº Lili Coelho  – José (Carlos Drummond Andrade)

Escola Hercílio Amante  – Os miseráveis (Victor Hugo)

Escola Judite Duarte de Oliveira  –  O outro passo da dança (Caio Riter)

Escola Jorge da Cunha Carneiro  – Crônicas  de Luiz Fernando Veríssimo  

Escola Ludovico Coccolo  – O menino narigudo  (Walcyr Carrasco)

Escola Érico Nonnenmacher  – O dia de uma criança

Escola Pascoal Meller – Vida de Droga  (Walcyr Carrasco)

 

Rede Estadual de Criciúma

EEB Maria José Hulse Peixoto  – A menina que roubava livros  (Marcus Suzak)

EEB Miguel Giacca – Vida de Droga  (Walcyr Carrasco)